Quem somos

Quem somos

Quem Somos

O Imazon, fundado em 1990, é um instituto de pesquisa cuja missão é promover conservação e desenvolvimento sustentável na Amazônia. Sua sede fica em Belém, no Pará.  O Instituto é uma associação sem fins lucrativos e qualificada pelo Ministério da Justiça do Brasil como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip).

Em 30 anos de existência, o Imazon publicou cerca de 700 trabalhos técnicos, dos quais quase um terço foram veiculados como artigos em revistas científicas internacionais. Além disso,  publicou 71 livros e 30 livretos.

O que fazemos

Pesquisa

As atividades de pesquisa do Imazon incluem diagnóstico socioeconômico na Amazônia; desenvolvimento de métodos para avaliação e monitoramento da cobertura florestal e uso do solo; realização de projetos demonstrativos; análise de políticas públicas de uso do solo e conservação; e elaboração de cenários e modelos de desenvolvimento sustentável das principais atividades econômicas existentes na Amazônia. O trabalho do Instituto fundamenta-se nos seguintes princípios:

Interdisciplinaridade. Permite uma abordagem holística e transversal dos vários temas que influenciam a sustentabilidade da Amazônia. Os estudos incluem análises econômicas e sociais, geográficas, ambientais, políticas, legais e institucionais.

Busca de soluções. Os estudos estão direcionados à solução de problemas de uso e conservação dos recursos naturais na Amazônia.

Abordagem empírica. O Imazon enfatiza a observação e a coleta sistemática de dados primários sobre o uso e a conservação dos recursos naturais na Amazônia.

Método científico. O Instituto conduz análises objetivas e isentas, baseadas em métodos científicos comprovados na literatura especializada.

Políticas Públicas
Os estudos do Imazon têm contribuído de forma efetiva para a elaboração de políticas públicas de largo alcance na Amazônia.

As principais contribuições têm sido em áreas estratégicas como: 

  • ordenamento territorial (zoneamento e regularização fundiária); 
  • criação e implementação de Unidades de Conservação; 
  • aperfeiçoamento dos sistemas de comando e controle (com ênfase na monitoração com imagens de satélite);
  •  melhoria na aplicação da lei de crimes ambientais (mecanismos para garantir a punição efetiva dos infratores); 
  • instrumentos de fomento (por exemplo, crédito para as atividades de uso sustentável);
  •  recomendações para o licenciamento ambiental e normas técnicas de manejo florestal, entre outras. 

Em muitas ocasiões, o Imazon tem sido convidado a integrar comissões técnicas, assistir os tomadores de decisões na esfera do executivo, legislativo e judiciário a ajudarem na elaboração de políticas públicas e de pareceres sobre temas complexos e emergentes no debate regional.

Disseminação
A disseminação dos resultados dos estudos do Imazon é feita por meio de revistas científicas nacionais e internacionais indexadas (Science Nature Proceedings of the National Academy of Science Forest Ecology and Management Conservation Biology Revista de Direito Ambiental International Journal of Remote Sensing Ciência Hoje etc.), manuais, vídeos, livretos, livros, artigos técnicos e resumos com recomendações para políticas públicas. A maioria dos nossos estudos está disponível para downloads na sessão Publicações.

Formação Profissional
Um dos objetivos do Imazon é formar pesquisadores com capacidade analítica e experiência de campo, voltados ao entendimento e solução dos problemas ambientais da Amazônia. Dessa forma, o trabalho no Instituto envolve a elaboração de um projeto de pesquisa, coleta e análise dos dados e apresentação dos resultados em artigos científicos e reuniões profissionais. 

Ao longo de sua existência, o Imazon contribuiu com a formação centenas de profissionais nas áreas de ecologia, engenharia florestal, direito ambiental, economia rural, geoprocessamento, planejamento regional e políticas públicas. Muitos desses profissionais atuam com posição de destaque em outras organizações ambientais, no setor privado e em instituições públicas.