Ranching in the Brazilian Amazon in a national context: economics, policy and practice

Ranching in the Brazilian Amazon in a national context: economics, policy and practice

artigocie18Arima, E., & Uhl, C. 1997. Ranching in the Brazilian Amazon in a national context: Economics, policy, and practice. Society Natural Resources, 10(5), 433-451. Routledge.

O setor pecuarista na Amazônia Oriental é dinâmico e diversificado. Cria-se gado em pastagens nativas na ilha de Marajó, nas várzeas ao longo do rio Amazonas e em áreas de terra firme. Os sistemas tradicionais de criação extensiva geram lucros em todos os três locais. Os lucros são maiores quando os fazendeiros se especializam em engorda (terra firme) e na produção de bezerros (pastagens nativas). Os lucros aumentam ainda mais quando pastagens degradadas são reformadas através da gradagem, plantio de forragens mais adaptadas e fertilização. A Amazônia Oriental oferece algumas vantagens em relação às regiões pecuaristas do Centro-Sul do Brasil. Arima e Uhl discutem essas vantagens com o objetivo de encorajar a intensificação da pecuária na Amazônia.