The role of remote sensing and GIS in enforcement of areas of permanent preservation in the Brazilian Amazon.

The role of remote sensing and GIS in enforcement of areas of permanent preservation in the Brazilian Amazon.

artigocie19Firestone, L., & Souza Jr, C. 2002. The Role of Remote Sensing and GIS in Enforcement of Areas of Permanent Preservation in the Brazilian Amazon. Geocarto International, 17(2), 53 – 58.

Neste estudo, Firestone e Souza Jr. elaboram um sistema de detecção de Áreas de Preservação Permanente degradadas ao longo de rios e igarapés utilizando imagens Landsat e SIG.

A metodologia foi testada em um centro madeireiro na Amazônia Oriental. Os dados produzidos incluem mapa da cobertura florestal, mapa de rios, mapa de Áreas de Preservação Permanente e mapa de violação da lei. Esta metodologia permite que todos os dados sejam extraídos da imagem de satélite (rios e cobertura vegetal) e que as violações (áreas degradadas) sejam detectadas automaticamente. O sistema detectou violações da lei em 60% de todas as Áreas de Preservação Permanente desmatadas, apresentando 88,6% de acurácia – o que revela a viabilidade da monitoração eficiente para o cumprimento da lei na Amazônia.