Pecuária gera 44% das emissões

A pecuária na Amazônia responde por algo próximo a 44% das emissões de gases-estufa do Brasil. O dado do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) projeta que o desmatamento representa 55% das emissões brasileiras e que a fatia do boi pastando na região corresponde a 80% deste total. Para corrigir a rota

Pesquisa rastreia mais cadeias com problemas socioambientais

Rastreamentos divulgados em site especial apresentam descrições de casos ocorridos na Amazônia, empresas envolvidas, a relação com o consumidor paulistano e a posição assumida pelas companhias diante das constatações São Paulo (SP) – A maior cidade do país permanece associada, por meio de diferentes cadeias produtivas, a problemas sociais e ambientais ocorridos na região amazônica.

Especialistas apresentam preocupações sobre o futuro das florestas no Brasil

O futuro das florestas no Brasil foi discutido em audiência pública realizada ontem, 2 dedezembro, na Procuradoria Geral da República, em Brasília. Diversos setores da sociedade estavam representados e todos tiveram espaço para manifestar suas opiniões.Compuseram a mesa de abertura a coordenadora da 4ª Câmara de Coordenação e Revisão, Sandra Cureau, seu substituto, Mário Gisi,

Reciclar o lixo é preciso e começa dentro de casa

É grande a quantidade de lixo reciclável pelas ruas e bueiros Sofá, tanque de combustível, pneus de carro e de bicicleta e até um vaso sanitário.Esses são alguns dos objetos jogados no meio da rua, junto a todo tipo de lixo como plásticos, embalagens, garrafas pet, entulhos, madeira e resto de móveis. Em várias ruas

Regularização da Amazônia estimulará desmate, diz Imazon

BRASÍLIA – Estudo do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) afirma que a regularização fundiária da Amazônia Legal, prevista como está na Medida Provisória 458, estimulará mais a o desmatamento e agravará a violência decorrente da disputa para ocupar o mais rápido possível novas áreas. Para o Imazon, se o governo insistir

Especialistas temem efeitos de nova lei na Amazônia

Especialistas envolvidos na preservação da Floresta Amazônica temem os efeitos da nova lei criada a partir da MP 458, que determina regras para a regulamentação da posse de terras na região. Sancionada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com alguns vetos a mudanças introduzidas pelo Congresso Nacional, a nova lei é considerada um avanço,

APÓS DIGITAR O TEXTO, PRESSIONE ENTER PARA COMEÇAR A PESQUISAR