Entenda o sistema de monitoramento do Imazon

Entenda o sistema de monitoramento do Imazon

O que é o SAD?

O Sistema de Alerta de Desmatamento é uma ferramenta de monitoramento da Amazônia baseada em imagens de satélites, desenvolvida pelo Imazon em 2008, para reportar mensalmente o ritmo do desmatamento e da degradação florestal na região. O desmatamento consiste na conversão total da floresta para outra cobertura e uso do solo, enquanto a degradação é um distúrbio parcial na floresta causado pela extração de madeira e/ou por queimadas florestais.

 

Quais são os satélites utilizados pelo SAD?

O SAD utiliza atualmente os satélites Landsat 7 (sensor ETM+), Landsat 8 (OLI), Sentinel 1A e 1B e Sentinel 2A e 2b (MSI). Combinando esses satélites, é possível voltar a enxergar a mesma área a cada 5 a 8 dias. O SAD prioriza o processamento de imagens adquiridas na última semana do mês para detectar e mapear os alertas mensais de desmatamento. Esses satélites permitem detectar desmatamentos com detalhe de 20 a 30 metros. O Sentinel 1 permite ainda monitorar através de nuvens, usando imagens de radar. Isso aumenta a capacidade de monitoramento no período de chuvas, quando o desmatamento diminui na região.

O SAD detecta áreas de desmatamento a partir de 1 hectare.

 

É possível comparar os sistemas SAD e DETER?

Os dois sistemas geram alertas mensais de desmatamento e de degradação florestal, porém as metodologias são diferentes.

 

O SAD monitora desmatamento em florestas secundárias?

Não, o SAD detecta e reporta desmatamento em florestas primárias.

 

O SAD diferencia o desmatamento legal e o ilegal?

Não. Para isso, é preciso combinar as detecções de alertas com autorizações de desmatamento emitidas por órgãos federais, estaduais e municipais. As autorizações emitidas por órgãos estaduais não estão em sistemas de dados que podem ser cruzados com as imagens de satélite a tempo de fazer um monitoramento mensal. No entanto, o Mapbiomas Alerta já faz este tipo de cruzamento de bases de dados (http://alerta.mapbiomas.org/lancamento-1) para estimar a proporção da ilegalidade do desmatamento.

 

Veja o boletim SAD julho 2019 aqui.

Imazon – O Imazon é um instituto nacional de pesquisa, sem fins lucrativos, composto por pesquisadores brasileiros, fundado em Belém há 29 anos. Através do sofisticado Sistema de Alerta do Desmatamento (SAD), a organização realiza, há mais de uma década, o trabalho de monitoramento e divulgação de dados sobre o desmatamento e degradação da Amazônia Legal, fornecendo mensalmente alertas independentes e transparentes para orientar mudanças de comportamento que resultem em reduções significativas da destruição das florestas em prol de um desenvolvimento sustentável.

Saiba mais sobre o Imazon aqui.